Problemas em Carregar consultas através de XControl


(Douglas Todt) #1

Boa tarde.

Estou com problemas em carregar consultar através de históricos criados em bibliotecas XControl.
As tabelas são criadas automaticamente e o valores são guardados conforme solicitado, porém, quando solicitado o seu histórico, o E3 Browser não mostra


(Luiz Fernando Freire dos Reis) #2

@DouglasT, boa tarde.

Chegou a verificar esses dados no BD?

A tabela escolhida foi a correta?

Se possível, compartilha a biblioteca e os logs do E3.

Sds.


(Douglas Todt) #3

Verifiquei os dados via studio e estão OK.
São várias tabelas, cada uma para um motor, e estão sendo chamadas corretamente.
Vou enviar ao seu email!


(Luiz Fernando Freire dos Reis) #4

@DouglasT,

Recebi a lib, mas os logs, acabei não informando, eram os com prefixo E3.

Sobre a lib:
Na Consulta do objeto E3Chart que está no XC_NewLibPopupSintoniaAcionamen tem o seguinte SQL:

SELECT *
FROM <%nometabela%>
ORDER BY <%nometabela%>.E3TimeStamp ASC

Entretanto, verifiquei que em nenhuma parte da biblioteca estas variáveis são definidas, então a Consulta não é realizada.

image

Sugestões:

  1. Criar uma propriedade para passar a string SQL da tabela que quer utilizar; ou
  2. Criar uma propriedade que informe o nome da tabela para a Consulta ao invés de deixar as variáveis indefinidas; ou
  3. Nos scripts de consulta, chamar passando o valor da variável.

Por favor, testar.

Sds.


(Douglas Todt) #5

Já estou usando sua sugestão de numero 2, informo o nome da tabela através do OnPreShow da tela onde o XControl é chamado.


(Luiz Fernando Freire dos Reis) #6

@DouglasT, bom dia.

Testa modificando a string SQL da seguinte forma:

SELECT *
FROM ‘<%nometabela%>’
ORDER BY ‘<%nometabela%>’.E3TimeStamp ASC

Caso continue sem funcionar, me encaminha os logs com prefixo E3. Meu e-mail: fernando@elipse.com.br

Sds.


(Douglas Todt) #7

@Fernando Boa Tarde.

Minha String SQL ja estava dessa maneira, mas, sem as aspas simples,apenas alterei o nome da minha variável.

SELECT *
FROM <%table_name%>
ORDER BY <%table_name%> . E3TimeStamp ASC

Também verifiquei os detalhes do método Rigth, conforme anexo, o segundo argumento é o numero de caracteres do nome da minha string, verifiquei meus objetos que fornecem seus respectivos nomes para as tabelas estavam com nomes aleatórios, padronizem seus nomes com 9 caracteres, conseguindo assim chamar as tabelas.